Conheça benefícios inovadores para sua empresa

Sair das opções “tradicionais” pode aumentar a motivação dos colaboradores.                                       

Imagem de Freepik

Já não é mais novidade para os profissionais de Recursos Humanos que os colaboradores, quando estão satisfeitos, são mais produtivos. Uma das pesquisas mais conhecidas que apontou essa afirmação foi realizada pela Universidade da Califórnia, em 2018, e segue bastante utilizada devido à qualidade do relatório.

O estudo aponta que um “trabalhador feliz é, em média, 31% mais produtivo, três vezes mais criativo e vende 37% a mais em comparação com outros funcionários”. Nesse contexto, elaborar e colocar em prática as estratégias para fortalecer o sentimento de bem-estar entre os colaboradores pode contribuir significativamente para a organização.

A oferta de benefícios corporativos, como cartão auxílio alimentação, vale-refeição, plano de saúde, auxílio-creche e outras opções, pode ser uma das estratégias para ter uma equipe mais satisfeita. No mercado, há diferentes opções, que vão desde as tradicionais até as mais inovadoras. Conhecê-las é fundamental para que o RH realize uma boa gestão de benefícios.

Para especialistas do setor, a oferta de benefícios também pode auxiliar na retenção de talentos. A investigadora de planejamento da força de trabalho da Society for Human Resource Management (SHRM), Karen Wessels, acredita que “as organizações que já começaram a alterar os seus benefícios para ajudar na retenção podem ter uma vantagem estratégica.”

De acordo com a Pesquisa de Profissionais Brasileiros, realizada pela Catho, “7% das ofertas de empregos são recusadas devido aos benefícios serem considerados insuficientes”. Por isso, a escolha de um pacote de benefícios inovador e mais atrativo representa, para as organizações, o investimento em capital humano, que será responsável pelo crescimento e desenvolvimento da empresa. Além disso, é um diferencial competitivo no mercado.

Tipos de benefícios

“Os empregadores são responsáveis por providenciar recursos para garantir a saúde e o bem-estar da força de trabalho”, foi o que responderam 73% dos entrevistados da pesquisa realizada pela  MetLife. O estudo mostra que é necessário buscar formas de fortalecer a experiência do funcionário.

Nesse contexto, surgem os benefícios corporativos que, segundo profissionais da área de RH, são organizados em três grupos. O vale-refeição e os planos de saúde e odontológico são incluídos no grupo de “benefícios financeiros”, pois impactam diretamente no bolso do trabalhador.

Já os “não financeiros” são aqueles que não representam custo direto ao funcionário, como, por exemplo, o auxílio-creche. Já os “benefícios extras” são muito bem vistos pelos colaboradores, pois representam uma vantagem adicional. Neste grupo, estão os convênios com academias e o desconto em produtos e serviços.

O que são benefícios inovadores?

Empresários e empreendedores podem ter dúvidas sobre o que é um benefício corporativo inovador. Segundo especialistas, essa é uma pergunta que deve ser respondida de acordo com o segmento no qual a organização atua. Também deve ser levado em conta  a cultura dos funcionários.

Por exemplo, se você é dono de uma livraria, não faz sentido oferecer estímulos de acesso à leitura aos seus colaboradores. Mas o benefício de participação em eventos culturais pode ser uma boa sugestão.

A saúde mental é um tema que ficou em alta nas corporações desde o início da pandemia. Pesquisa Datafolha, realizada recentemente e divulgada pelo jornal Folha de São Paulo, aponta que “um terço dos brasileiros relata ter problemas frequentes com ansiedade, sono e alimentação”.

Dessa forma, programas de assistência mental ao trabalhador podem ser muito bem-vindos. As áreas para esse tipo de  suporte podem ser diversificadas, garantindo o acolhimento para funcionários que estejam passando por problemas psicológicos, emocionais e, também, por situações relacionadas à dependência química.

O bem-estar social influencia a qualidade de vida. Esperar o salário cair no início do mês para dar aquela “voltinha” pela cidade é o desejo de todo trabalhador. Por isso, um vale-cultura para aproveitar espaços como cinema, teatro, show, entre outros eventos artísticos, também pode ser uma alternativa.

Outra opção para as empresas é  a oferta de benefícios de viagem. A organização que pretende adotar essa prática pode realizar parcerias com agências de turismo e oferecer descontos e prêmios em passagens aéreas.

Empresas que demonstram apoio ao desenvolvimento profissional e de carreira aos seus colaboradores tendem a ganhar com profissionais mais qualificados, engajados e produtivos. Dessa forma, custear, integral ou parcialmente, cursos de qualificação é um diferencial.

Sobre Redação Resumo Virtual

Somos um portal independente, reunimos o resumo de informações importantes para você não precisar ficar perdendo tempo pesquisando.

Veja também

Como negociar com fornecedores? As 9 melhores dicas!

Saber como negociar com fornecedores é uma abordagem estratégica fundamental para usar da melhor maneira …

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *